Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

REGIÃO EM ALERTA SOBRE A FEBRE AMARELA - ..::Rádio Amizade FM::..

Fale conosco via Whatsapp: +55 49 9 8851 5737

No comando: MOMENTO DESPERTAI Com Pe. Ezequiel Dal Pozzo

Das 06:30 às 06:35

No comando: AGRONEGÓCIO HOJE Com Fecoagro

Das 06:35 às 06:45

No comando: BOM DIA TRABALHADOR Com Joemerson Medeiro

Das 06:45 às 08:00

No comando: TOP MUSICAL – Com Pricila Marques

Das 07:00 às 09:00

No comando: SHOW DA MANHÃ Com João Paulo Luchtenberg

Das 08:00 às 10:00

No comando: SANTA MISSA – Com Pe. Nilton

Das 09:00 às 10:00

No comando: EXPERIÊNCIA DE DEUS

Das 10:00 às 11:00

No comando: SHOW DA MANHÃ Com João Paulo Luchtenberg

Das 11:00 às 11:30

No comando: CAMINHANDO NA FÉ – Com Maria Farias

Das 11:30 às 12:00

No comando: JORNAL DOS TRABALHADORES

Das 12:00 às 12:15

No comando: ALMOÇANDO COM MÚSICA

Das 12:15 às 13;30

No comando: SHOW DE BANDAS Com Evandro de Souza

Das 14:00 às 15:30

No comando: PLANTÃO DE NOTÍCIAS

Das 15:30 às 15:45

No comando: ESTAÇÃO 104 – Com Evandro de Souza

Das 15:45 às 17:00

No comando: FESTA GAÚCHA – Com Nylcynho Mot@

Das 17:00 às 18:00

No comando: ORAÇÃO DA AVE MARIA – Com Paróquia São Paulo Apóstolo

Das 18:00 às 18:15

No comando: ORAÇÃO DA AVE-MARIA Com Jaime José de Farias

Das 18:00 às 18:30

No comando: FESTA GAÚCHA – Com Nylcynho Mot@

Das 18:10 às 19:00

REGIÃO EM ALERTA SOBRE A FEBRE AMARELA

O registro de uma dezena de macacos mortos em janeiro entre as regiões do planalto sul catarinense e o nordeste do rio grande do sul tem chamado a atenção da autoridades de saúde.

.

O alerta vermelho foi acionado nesta quarta-feira (03) quando a uma das suspeitas da Secretaria de Saúde do município de Pinhal da Serra se confirmou.

.

O resultado de uma das amostras coletadas no dia 25 de janeiro, atestando que o macaco encontrado morto na localidade Campo Alto teve a morte causada por Febre Amarela.

.

Em Pinhal da Serra/RS foram encontrados até o momento 12 bugios mortos. Em Santa Catarina, Anita Garibaldi registrou 4 mortes, Curitibanos acumula 10 óbitos de macacos registrados somente em janeiro, o número é preocupante, visto que, em 2020 nenhum macaco morto foi notificado para Vigilância do município.

.

A orientação é que, em caso de macacos serem encontrados mortos, deve-se imediatamente comunicar os órgãos de saúde.

.

 

.

Os materiais coletados são encaminhados para o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Florianópolis. O resultado é divulgado entre 15 e 30 dias.

.

A Vigilância Epidemiológica destaca que os macacos não são transmissores da febre amarela, mas vítimas da doença, que é causada por mosquitos do gênero Haemagogos a pessoas não vacinadas.

.

 

Deixe seu comentário: